Skip navigation

Monthly Archives: Setembro 2010

”Espero pelo homem que me chame de linda ao invés de gostosa, que me ligue de volta quando eu desligar na cara dele, que deite embaixo das estrelas e escute as batidas do meu coração, ou que permaneça acordado só para me observar dormindo. Espero pelo homem que me beije na testa, que queira me mostrar para todo mundo mesmo quando eu estiver suando, um homem que segure minha mão na frente dos amigos dele, que me ache a mulher mais bonita do mundo mesmo quando eu estiver sem nenhuma maquiagem e que insista em me segurar pela cintura. Aquele que me lembra constantemente o quanto ele se preocupa comigo e o quão sortudo ele é por estar ao meu lado. Espero por aquele que esperará por mim, aquele que vire para os amigos e diga “é ela!”. No dia em que encontrar, vou alegrar-me verdadeiramente, pois encontrei o verdadeiro amor.”

Eu esperei por você todos os dias e a 4 meses te encontrei.. Uma pequena mais sincera homenagem ao amor da minha vida, meu herói, meu tudo. Eu te amo John Winston Ferreira Faveri. (K)

What you got boy it’s hard to find…

Anúncios

E bateu aquela vontade de sumir, de novo e de novo, todo tempo. Me sinto inutil, me sinto fora do lugar, um pouco solitária, cheia de perguntas e sem as respostas, me sinto suja e procuro saber como eu consegui viver esses 16 invernos. Só faço besteira, não que eu haja sempre errado, tudo que eu fiz e faço até agora foi por você, por nós, pois sei que lá na frente não irei me arrepender, é que as pessoas ao meu redor agem como se eu sempre agisse assim. Tudo isto porque eles não me conhecem, não me deixam expor minhas ideias, meus sonhos, são poucos mas eu os tenho.. Não sabem quando eu chorei, quando eu sorri, quando eu senti vontade de acabar, de começar, quando eu tive vontade de abraçar, de ouvir uma palavra, um silêncio. Estão me pondo limites, barreiras, me previnindo de coisas que, ah, deixa pra lá… Você não nasce livre, não vivera livre e nem morrera livre, porque mesmo que você saia da casa de seus pais você vai depender do trabalho para sobreviver, você vai depender sempre do alimento, da água para continuar vivo, vai depender do calor para aguentar o inverno. É, ninguém nos disse que a vida era fácil e se te disseram não considere esta pessoa sua amiga, pois como diz aquela frase: Quem avisa amigo é. Espero que tenham te avisado, não me avisaram.

Eu ainda não entendo porque aqueles clichês que dizem sobre o amor entre duas pessoas não aconteceram entre o nosso. Cada dia que tu chega, com aquela cara de sono de sempre -que eu juro pra ti, é sempre diferente- é como se eu estivesse em uma montanha russa e algo me diz que eu estou mais apaixonada por ti. Tu é assim, tão meu, me dá um beijo que vale mais do que toda essa coisa que todo mundo deseja e ali mesmo tenho vontade de te devorar, mas me comporto. As pessoas saem para o trabalho, para a escola, umas estão voltando para casa, todas tentam de uma forma encontrar o sucesso e esquecem das pessoas que estão ao seu lado, eu não, sou boba, penso em ti nas horas mais loucas, quando menos espero e até parece que te amo as vezes, mas tu sempre está ali, me fazendo respirar.  Espero que seja sempre assim, amor e mais amor todo santo dia, que esse mundo louco de hoje não nos faça a cabeça e que eu esteja indo para qualquer lugar mais apaixonada por ti, que seja os dois por tudo e tudo pelos dois. Acho que entendi porque não com o nosso. Conclusão: Deve ser por isso que toda essa gente pensa que amor clichê existe, sempre estão olhando para si mesmas.